Banco do Brasil anuncia demissão de 5 mil e fechamento de 361 unidades

O Banco do Brasil anunciou que pretende demitir até 5 de fevereiro deste ano, cinco mil trabalhadores e trabalhadoras, por meio de um Plano de Demissão Voluntária (PDV). Além das demissões, serão fechadas 112 agências, 242 postos de atendimento (PA) e sete escritórios, num total de 361 unidades (as localidades ainda não foram divulgadas). Segundo […]

Leia mais…

Confira os benefícios do INSS que trabalhador demitido tem direito

Trabalhadores demitidos continuam tendo direito por um período de até três anos a benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Ainda que não estejam contribuindo para a Previdência por estarem fora do mercado de trabalho e sem renda para bancar mais esta despesa. Os trabalhadores demitidos têm direito aos chamados benefícios por incapacidade como: […]

Leia mais…

Não configura justa causa trabalhador que dorme em serviço por ausência de intervalo para descanso

Os magistrados da 14ª Turma do TRT da 2ª Região mantiveram decisão de origem da 11ª Vara do Trabalho de São Paulo que havia revertido justa causa aplicada a um controlador de acesso de condomínio por ter dormido em serviço. Na sentença, a juíza Valéria Baião Maragno considerou que a justa causa era carente de amparo legal, […]

Leia mais…

Grupo Bancário chega a demitir 20 empregados por dia

Grupo bancário que assinou um compromisso público, afirmando que não desligaria empregados enquanto durasse a crise do novo coronavírus, chega a demitir 20 pessoas por dia útil. Desde a primeira semana de junho, segundo o levantamento, realizado pelos sindicatos do país, apontou que o banco já demitiu pelo menos 433 funcionários. Além de descumprir o […]

Leia mais…

Setor financeiro descumpre acordo e continua demitindo durante a pandemia

O setor bancário foi um dos primeiros a garantir direitos diante da pandemia de Covid-19, como a possibilidade de home office, afastamento dos empregados do grupo de risco e rodízio nas agências. Alguns dos maiores bancos privados que atuam no Brasil negociaram, com a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) e com os sindicatos, para não […]

Leia mais…

Gerente de banco que foi demitida sem justa causa deve ser reintegrada e receber complementação salarial

   O Juiz do Trabalho Substituto Eduardo Mussi Dietrich Filho, do Rio de Janeiro, decidiu que Gerente de banco que foi demitida sem justa causa, quando estava inapta a exercer a atividade, deve ser reintegrada e receber complementação salarial e diferenças salariais por equiparação com funcionária de outra agência. Admitida na empresa desde 1976, a […]

Leia mais…

Se a empresa quebrar em decorrência da pandemia, poderá pagar menos na demissão?

Caso uma empresa tenha que fechar suas portas em decorrência da pandemia, ela poderá alegar motivo de força maior conseguindo, portanto,  reduzir suas obrigações trabalhistas com os funcionários. Mesmo assim, a empresa ainda teria que pagar os eventuais salários atrasados normalmente. Nesse caso, a lei permite que as empresas paguem apenas a metade da multa […]

Leia mais…